30 Anos Pneus do Alcaide Escolher Pneus para o sue carro
Destaques



Conselhos de Manutenção

Deve verificar e realizar periodicamente a manutenção dos pneus. Saiba mais sobre a rotação, equilíbrio, desgaste do piso e outros aspectos importantes da manutenção dos seus pneus.

 

1. Verificação do piso do pneu

Verifique o piso do pneus regularmente para saber se é necessário substituir os pneus. Todos os veículos de passageiros, camiões ligeiros e semi-ligeiros possuem barras indicadoras de desgaste dos pneus incluídas no piso. Estas barras estão localizadas no fundo dos sulcos do piso em vários locais da circunferência do pneu. Quando o pneu apresenta desgaste suficiente para que as barras sejam visíveis à altura dos desenhos do piso, está na altura de mudar o pneu. Se o piso apenas apresenta desgaste em um ou dois pontos, pode significar que o pneu não possui a pressão indicada. Abaixo apresentamos uma lista dos indicadores mais comuns de desgaste irregular do piso e os problemas que os originam:

Saliências ou reentrâncias no piso: PEÇAS GASTAS

O aparecimento de saliências (também chamado de lombas ou mossas) é mais comum nos pneus dianteiros, apesar dos pneus traseiros também as poderem apresentar. Poderá ser uma indicação de que os seus pneus estão desequilibrados ou de que a suspensão ou direcção do veículo apresentam desgaste.

Extremidades com marcas de atrito: DESALINHAMENTO

As extremidades do piso apresentam um aspecto segmentado ou fragmentado? Estes danos são provocados por um atrito irregular do pneu com a estrada. A solução é a correcção do alinhamento convergente ou divergente dos pneus. A profundidade dos sulcos é essencial para o desempenho adequado dos pneus. Se notar a perda ou alteração da tracção do veículo em piso molhado, poderá ser devido ao desgaste dos desenhos do pneu. O pneu deve ser substituído quando a profundidade dos sulcos atinge 1/16 de polegada.

Desgaste no centro: PRESSÃO EXCESSIVA

Quando um pneu tem pressão excessiva, o centro do pneu suporta a carga e desgasta-se mais rapidamente do que as extremidades exteriores. O desgaste irregular reduz a vida útil do pneu. Verifique a pressão regularmente. O desgaste irregular dos pneus também pode ser devido a desalinhamento ou problemas mecânicos.

Desgaste em ambas as extremidades: PRESSÃO INSUFICIENTE

Se o pneu apresenta este aspecto, poderá ser devido a pressão insuficiente, que reduz a vida útil do piso por desgaste excessivo nas extremidades exteriores (ombros) do pneu. Produz ainda um aquecimento excessivo que diminui a durabilidade do pneu. Finalmente, afecta a economia de combustível através de uma maior resistência à rodagem (pneus macios exigem maior esforço do veículo).

 

2. Equilíbrio de pneus

Os pneus desequilibrados podem causar vibrações, que provocam a fadiga do condutor, desgaste prematuro e irregular do pneu e um desgaste desnecessário da suspensão do veículo. Os pneus devem ser equilibrados quando são montados nas rodas pela primeira vez ou após reparação. Os pneus devem ser verificados aos primeiros indícios de vibração ou oscilação.

 

3. Pressão dos pneus

É muito importante que verifique a pressão dos pneus pelo uma vez por mês com um manómetro fiável. A pressão incorrecta pode causar um desgaste e ruptura anormais e excessivos, que por sua vez originam um sobreaquecimento do pneu, um consumo excessivo de combustível ou perigos como o rebentamento do pneu. Certifique-se de que verifica a pressão quando os pneus estiverem frios e não tiverem sido utilizados recentemente. Uma perda de pressão contínua indica um possível problema no conjunto do pneu ou roda. Se isto acontecer, consulte um revendedor profissional imediatamente.

A pressão de ar é um dos factores que mais afecta o desgaste do pneu e como tal, a sua vida útil.

 

4. Reparação dos Pneus

A reparação dos pneus deve ser efectuada por um profissional qualificado. Uma reparação correcta inclui a desmontagem do pneu da roda para uma inspecção minuciosa, verificando se existem danos, e a utilização de remendos para reparar os furos dentro dos limites e instruções para reparação.

 

5. Rotação dos Pneus

Apesar de algumas pessoas serem capazes de fazer a rotação dos pneus, é mais rápido, mais fácil e mais seguro deixar essa tarefa a cargo de um profissional. O manual de utilizador do veículo especifica o padrão de rotação adequado e o calendário para o seu veículo. Se não for indicado um calendário específico para o seu veículo, faça a rotação dos pneus a cada 8000 a 10 000 quilómetros.

 

6. Alinhamento das Rodas

Um veículo possui um alinhamento correcto quando todos os componentes da suspensão e direcção estão em bom estado e quando os conjuntos de pneus e rodas estão rectos e centrados. Se notar um desgaste irregular do piso, pode ser devido a desalinhamento e deve ser reparado por um profissional.


- Alinhamento Total





Contactos
Sede / Tremoceira
Telefone: 244 470 537
Fax: 244 470 844
E-mail: geral@pneusalcaide.com
 
Santeira
Telefone: 244 471 430
Fax: 244 482 142
 
Marinha da Mendiga
Telefone: 244 450 024
 
Benedita
Telefone: 262 928 656
Fax: 262 928 393
 
Porto (Maia)
Telems: 93 979 4281
93 972 0083
Fax: 229 443 534
Todos os direitos reservados. © 2010 Pneus do Alcaide. Desenvolvimento e Design : iconO2.com Conflitos de consumo